14/11/2016

ONZE E TRUMP


Relutei até agora sobre o assunto mas como não poderia deixar de ser, vamos falar do topetudo (nada contra quem é adepto), mas cá pra nos, pra onde você vai é Trump, salada com molho Trump, estação Trump, avenida Trump, onze e Trump... Se você parar de respirar provavelmente o Trump estará lá, é no celular, na TV, no rádio (suponho, pois não sou o público) nas rodas de fofoca. O Trump realmente caiu na boca dos brasileiros, nem a tal reforma da previdência ganhou tanta atenção.

Mas vamos lá, o que dizer desses institutos de pesquisas? A Hillary já estava ganha e empossada, e como dizia o meu avô "Contaram com o ovo no cu da perua" (perdoe-me o vocábulo) e se "estreparam". Foi assim com o Brexit, Com o acordo de paz com a Farc e outras tantas dezenas de suposições, digo pesquisas! Em outubro esse Brasil viu a credibilidade dos ditos "institutos de pesquisas" irem de água a baixo, "a maioria silenciosa" mostrou que uma nação não é feita de suposições, mas sim de loucos!

A Hillary preparou-se durante uma vida para o maior cargo do executivo e viu tudo indo por terra para uma "palhaço". Mostrando o pior do ser humano o Trump nos mostrou que são outros tempos, tempos que o ser mau tá na moda, tempos que falta escrúpulos e sobra intolerância. Talvez os tempos sejam os mesmos, só que agora sem maquiagem! Entre o sujo e o mau lava os americanos entenderam que estar mal lavado é o mesmo que limpo. Mas o que sabemos nós o "terceiro mundo"? Somos tão atrasados que não sabemos nem votar direito!

Apos ver na TV o mapa americano quase que completamente vermelho fui dormir, Já eram quase 00h00 e me atrevi abrir o twitter, a essa hora a Flórida já era republicana, ai eu pensei, meu irmão estava com a razão! (ele é um dos adoradores do Trump) Segundo ele "agora a América voltaria a ser o que a muito tempo tinha perdido"... É nessa hora que movido pela raiva me bate o desejo de estar errado, a desejar a vitória de quem repudio e arcar com as consequências que isso pode acarretar e mesmo sendo levado pelo furação por culpa da maioria estarei em paz comigo mesmo porque só é lhe dado o que lhe é de direito, as vezes penso que as pessoas gostam de sofrer, de serem vitimas, mas isso só os loucos e o Chorão sabem!  Daqui a quatro anos voltarei aqui e espero que seja pra me desculpar, não pra dizer que eu avisei!!!

Deixo aqui cinco opiniões de blogueiros sobre o tema, o primeiro "Trump, o dia seguinte" do Mark, o segundo  "Cunt! (1)" do HHP e Casado, o terceiro "o 9 de novembro" do Tony Goes e o quarto "Amargo" do Anfitrião e por ultimo e não menos importante o Bratz (esse ultimo não é um post  e sim um comentário deixado no post "Cunta! (1) do HHP e Casado).

Sexta feira tem mais, sempre as 11h00 da manhã.
Não esqueça de comentar.


2 comentários:

  1. Nos bastidores do reino: a vida secreta na Igreja Universal do Reino de Deus

    Mário Justino
    Geração Editorial, 1995 - 150 páginas

    AQUI É REVELADO TODO O PASSADO SUJO DA IGREJA UNIVERSAL

    Pela primeira vez, um ex-pastor da Igreja Universal do Reino de Deus revela com enorme impacto os segredos da seita do bispo Edir Macedo, hoje espalhada por quase todo o mundo. A obra caiu como uma bomba sobre a organização de Macedo, que conseguiu na Justiça uma liminar impedindo provisoriamente a circulação do livro, que ficou apenas 22 dias nas livrarias, desde seu lançamento, em novembro de 1995. A editora lutou e conseguiu, na Justiça, a liberação da obra, em que o ex-pastor Mário Justino narra sua amarga experiência com religião, drogas e o submundo do crime, no Brasil e em Nova York. Um livro recomendado para jovens e que foi adotado como educação para a cidadania por vários professores.


    Completo em PDF para baixar:

    Para baixar é só clicar no botão verde.

    http://migre.me/vxbde

    ou

    http://www.mediafire.com/file/zkxcyleck3a1c59/NOS+BASTIDORES+DO+REINO+-+M%C3%81RIO+JUSTINO+-+COMPLETO.pdf

    ResponderExcluir
  2. Ola Romano...passei pra deixar um grande abraço!

    ResponderExcluir

Este blog não se responsabiliza por comentário deixado por terceiros.